Ferramentas

0 comentários

Agosto: o mês do dono louco

Estamos em agosto chamado por muitos de “o mês do cachorro louco”, mas tranquilamente poderíamos chamá-lo de O MÊS DO DONO LOUCO! Entenda o porquê.Agosot: o mês do cachorro louco ou o mês do dono louco?

Um dos motivos é que nessa época começam maiores aglomerações de cães machos atrás das fêmeas no cio. Isso se deve ao aumento gradual da luminosidade e ao término do inverno, que faz com que as fêmeas procurem se reproduzir para que suas crias nasçam na primavera quando o frio diminui e a oferta de alimentos aumenta. Pra saber mais, contimue lendo!!!

Uns dizem que o termo “cachorro louco” é porque eles estão “doidos” para reproduzir. Na realidade, como há uma maior aglomeração de animais, a briga pelas fêmeas é violenta e existe uma probabilidade maior de aparecer animais contaminados com o vírus da raiva. A infecção se dá no sistema nervoso causando um aumento real e aparente da agressividade deixando-os com a aparência de “loucos”.

Isso acontecia mais antigamente, quando a Medicina Veterinária Preventiva ainda engatinhava e o acesso às vacinas e aos profissionais médicos veterinários era mais difícil. Porém, hoje em dia, ainda existem “donos loucos” que preferem não investir em seus animais e, quando vacinam os mesmos, não o fazem da forma correta. E , principalmente, não buscam um médico veterinário para realizar um protocolo de imunização eficiente.

Esse artigo explica bem a diferença (e a importância) de vacinar seus animais com um médico veterinário: Vacinas Profissionais X Vacinas Não Profissionais.

Os próximos artigos mostram se a carteira de vacinação de seu pet está correta (o que indica que o protocolo de vacinação é confiável): Sua Carteira de Vacinação é legal? (parte 1), Sua Carteira de Vacinação é legal? (parte 2) e Sua Carteira de Vacinação é legal? (parte 3)

Os artigos são do site Escola Veterinária.

Compartilhe esta postagem com seus amigos nas redes sociais
Comentários
0 Comentários

Seja o primeiro a comentar

AGRADECEMOS A SUA VISITA!

Expresse sua opinião sobre a postagem comentando logo abaixo.

Se gostou do nosso blog clique nos links e encontre-nos nas redes sociais: Facebook, Twitter e Google+.

Deixe seu comentário