Ferramentas

2 comentários

Antônia Fontenelle em alta costura e brava

antonia-fontenelle-no-bixo-da-goiaba Muita gente estranhou o nome de Antônia Fontenelle como rainha de bateria da escola de samba Mocidade Independente de Padre Miguel. Logo a seguir surgiram as críticas, como a que comparou Fontenelle com água de salsicha.

A atriz revelou que se inspira em Monique Evans, Luma de Oliveira e Luiza Brunet porque “ser rainha de bateria não é ser passista, é ser majestosa”. E ainda disparou contra a crítica: “vou dar uma sambadinha só para sambar na cara de quem disse que eu não sei sambar”.

antonia-fontenelle-no-bixo-da-goiaba2 Na opinião de muita gente, rainha de bateria tem que ter samba no pé. Para outros, a rainha só precisa ter “majestade”. E “majestade”, me parece que a Antônia Fontenelle tem de sobra! O que você acha? Comente!

“Posso ser anjo ou demônio: você escolhe”

(tatuagem que a rainha de bateria ostenta no ombro esquerdo)

Compartilhe esta postagem com seus amigos nas redes sociais
Comentários
2 Comentários

2 comentários

Leia os outros comentários e comente também

AGRADECEMOS A SUA VISITA!

Expresse sua opinião sobre a postagem comentando logo após os demais comentários.

Se gostou do nosso blog clique nos links e encontre-nos nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Google+.


  1. eu acho que basta ser gostosa, elas tão lá só para aparecer mesmo

    ResponderExcluir